quarta-feira, 19 de março de 2008

Pizza do Verde Mar

Eu faço parte da legião de fãs do supermercado verde mar. E o lugar é bacana mesmo. Tem tudo e mais um pouco, sendo que o tudo em questão é bonito, apetitoso e, ao contrário do que possa parecer, nem sempre muito caro, depende do que se quer. Cogumelos extra esquisitos e raros sempre serão caros, não importa onde se compre. Mas é fácil achar vinhos legais num preço regular por lá, por exemplo, pães diferentes e cheirosinhos, café e muitos outros produtos.

Mas passemos para a parte que cabe ao post: a pizza. Não a que é vendida no supermercado, mas a que é servida no restaurante ao lado dos caixas.

Muita gente há muito tempo me fala do tanto que essa pizza é inesquecível e coisa e tal e, passando por lá pela hora do almoço, resolvi experimentar. Diante da diversa oferta de sabores, escolhi uma meio a meio: tomate seco (com mussarela e orégano) e verde mar (com shitake, alcachofras e parma).

Considerações:

1 - O atendimento é legal, os garçons são simpáticos, mas a pizza veio errada. Chegou uma à moda com uns pimentões verdes crus sobre ela. Meia volta na hora. Nem ia conseguir comer com aqueles pimentões verdes olhando pra mim.

2 - A pizza é feita no forno a lenha, então a gente já espera que ela chegue quentinha e crocante. Só que a minha tava meio fria. Aliás, o shitake tinha uns queimadinhos, a alcachofra estava com cara de anteontem e o parma aparentemente não foi ao forno, porque estava gelado. E pizza fria é coisa de café da manhã e não de restaurante.

3 - A massa deveria ser crocante, porque é fininha e tals. Mas tinha tanta mussarela, que ela não suportou, ficou chicletuda.

4 - Por sua vez, o tomate seco merece a medalha de ouro. O melhor que eu já provei. Cada pedacinho da pizza deixava um fundo doce do tomate na boca, e isso fez valer a pena dos itens anteriores.

5 - Eu nunca tinha comido alcachofra na vida. Agora, alcachofra pra mim tem cara de alho poró e gosto de nada com um leve amargo no fundo.

Nota 6 (pizza fria perde muitos pontos). Com perspectivas de melhora se a próxima vez não for tão frustrante.

(Minha mãe, que estava comigo, deu nota 7, muito gente boa ela...)

Até agora, na minha opinião, a melhor pizzaria de BH chama-se Speciali!
E na opinião de vocês?

xxx

Aí, povo, coelhinho da Páscoa traga muitos chocolates :)

2 comentários:

Gude disse...

Ainda não conheço o Speciali. :D Só tem aquele na Fernandes Tourinho?

Ana disse...

É sim, ele pertence a uma moça que é irmã da dona do Ah! Bon, a doceria ao lado. E as duas são filhas do dono do Eddie`s, que fica no fim do quarteirão :)

A margherita de lá tem massa de manjericão. É um sonho.