terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Funk

Existem algumas músicas de funk que eu realmente gosto.
Sim, eu sei. Capaz do meu namorado ficar meio doidão agora... por isso, vou me explicar:
ODEIO aqueles caras que ficam balançando o corcelzão véio do meio da rua, ouvindo funk de janela aberta na maior altura, como se todos ao redor compartilhassem o mesmo Mc Mood.

Mas a verdade é que, com tanto tempo de casa, o funk já tem alguns clássicos... e, bem... sabe quando vc tá num baile de formatura e aquela música que vc normalmente não suporta começa a tocar, e vc pega sua tacinha de champagne, chama suas amigas e começa a fazer coreografias barangas e isso é super divertido?
Pois bem, estão aí as minhas trilhas sonoras funkeiras escolhidas a dedo para esses momentos:

1 - Tô nem aí - Luka. Não é bem funk, mas é tipinho isso. E é legal demais. E eu e minhas primas temos uma coreografia exclusiva pra ela... quando toca é o auge!

2 - Baba Baby - Kelly Key. Essa música é sensacional. "E pra não dizer que eu sou ruim, vou deixar você me olhar, só olhar, só olhar..." Cara, essa frase é absurda de boa.

3 - Tremendo Vacilão - Perla. Primeiro que o nome dessa menina é demais. Perla. Parece nome de dançarina de can-can do Moulin Rouge. Sério que eu queria chamar Perla. Claro que só se não tivesse uma funkeira famosa chamando Perla também, eu queria chamar Perla só pela dançarina do Moulin Rouge. Mas a música, além de ser uma imitação descarada de conceito e estilo de Baba Baby ("agora baba bobo, vai correr atrás de mim"), também tem as suas frases geniais, olha essa: " Deu mole pra caramba, tremendo vacilão, tá todo arrependido, vai comer na minha mão." Sensacional.

4 - Se ela dança, eu danço - Mc Leozinho. Essa música não tem nem discussão... ela é tão legal que até o Rei gravou.

"Um funk com uma letra que na verdade é uma poesia". Genial... olha em o link aí, reparem como o Robertão tenta dar uma de funkeiro e colocar melodia na música ao mesmo tempo...




Então, quem achou que eu era a maior funkeira da blogsfera se enganou. Eu só conheço essas 4 na verdade e tenho ódio mortal das outras. 

Mas, sorry, dessas aí eu gosto mesmo :)

8 comentários:

Rita disse...

James Brown, Ana!!!
O pai do funk!
I feel good!
Que MC Leozinho o que?!!!

Ana disse...

hehehehehe... sabia que ia ter reações! tô falando do pancadão do Brasil!

James Brown é outra coisa!
I feel good!!

Paulo disse...

Ah... Essas aí são "pancadão" tanto quanto o Kid Abelha é rock'n'roll...

Ana disse...

Nah... fora isso é pancadão d+ pro meu gosto...

Daemon disse...

O funk americano não tem nenhuma relação com o que chamaram de "funk" no Brasil.
Gatinha, pelo menos você tem bom gosto pra namorado ;)
:*

Daemon disse...

Só completando:
O funk americando vem da soul music, com influências de R&B e rock.
O funk carioca vem de um estilo chamado miami bass.

Ana disse...

Eita! Namorado também é cultura :)
:*

Daemon disse...

Heh, eu até já sabia, mas conferi na wikipedia ;P